Notícias

Banca de DEFESA: ROSIMEIRE PEREIRA DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ROSIMEIRE PEREIRA DA SILVA
DATA: 06/04/2020
HORA: 09:00
LOCAL: Sala de reunião da Pós-graduação
TÍTULO: EFEITO DA COLHEITA DA PLANTA DE GERGELIM EM DIFERENTES ESTÁDIOS FENOLÓGICOS SOBRE A QUALIDADE DA SILAGEM
PALAVRAS-CHAVES: degradabilidade in situ, perdas fermentativas, semiárido, Sesamum indincum.
PÁGINAS: 56
GRANDE ÁREA: Ciências Agrárias
ÁREA: Zootecnia
SUBÁREA: Nutrição e Alimentação Animal
ESPECIALIDADE: Avaliação de Alimentos para Animais
RESUMO:

Objetivou-se avaliar o efeito da colheita da planta de gergelim em diferentes estádios fenológicos sobre a qualidade da silagem. O delineamento utilizado para o plantio do gergelim foi o de blocos casualizados, com 4 tratamentos e 4 repetições (blocos). Já para a avaliação da qualidade da silagem adotou-se o delineamento inteiramente casualizado com cinco repetições. Os tratamentos consistiram em diferentes estádios fenológicos da planta no momento do corte, sendo: SV= Sem vagem, CV=Com vagem, GL= Grão leitoso, GF= Grão farináceo. As características produtivas (massa seca total de forragem; MSTF t/ha) e morfológicas (% de folha, % de caule, % de flor e % de vagem) foram avaliadas. Foram coletadas amostras do material antes do fechamento e após a abertura dos silos para avaliação química da silagem. As características fermentativas foram avaliadas através da mensuração do pH, da concentração de N-NH3, dos ácidos orgânicos (acético, butírico, propiônico e lático), da quantificação das perdas por gases, por efluentes, recuperação de matéria seca e avaliação da estabilidade aeróbia. Avaliou-se também a degradabilidade in situ da matéria seca (MS), utilizando três ovinos canulados no rúmen. Todos os dados foram analisados usando utilizado modelos misto (procedimento MIXED do SAS). As médias referentes à composição química, características fermentativas e perdas foram obtidas pelo comando LSMEANS e comparadas pelo teste ajustado de Tukey e diferenças significativas foram declaradas quando P≤0,05. A MSTF (t/ha) aumentou com avanço do estádio fenológico, com o maior valor observado para o estádio GF. Não houve diferença para a porcentagem de caule com média de 55,32 ± 1,80 %MS, ao passo que a porcentagem de folhas foi diminuindo com o avançar da maturidade da planta. As silagens apresentaram boas características químicas, com valores médios de 11,95% de PB, teores médios de FND e FDA de 50,94 e 39,02%, respectivamente. Não houve diferença (P>0,05) para as características fermentativas. As perdas por gases e efluentes foram diminuindo com o desenvolver da planta e a maior recuperação de matéria seca (94,97%) foi observada para a silagem confeccionada no estádio de GF. As silagens mais estáveis foram aquelas confeccionada no estágio SV (64 h), seguida do GL (48 h). Os maiores teores de degradação da fração solúvel foram encontrados nas silagens SV (36,63%) e GL (36,61%) respectivamente. A degradabilidade potencial foi menor na silagem de GF (55,27%), consequentemente, a mesma teve o menor tempo de colonização (6,60 h). A degradalibidade efetiva nas diferentes taxa de passagem 2, 5, 8 % h foi maior nas silagens SV e GL. A planta de gergelim pode ser cortada no estádio fenológico com vagem, grão leitoso e grão farináceo para confecção de silagem.

 


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - HENRIQUE NUNES PARENTE - UFMA
Presidente - 1712960 - MARCOS JACOME DE ARAUJO
Externo à Instituição - MICHELLE DE OLIVEIRA MAIA PARENTE - UFMA
Notícia cadastrada em: 26/03/2020 10:21
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - STI/UFPI - (86) 3215-1124 | © UFRN | sigjb03.ufpi.br.instancia1 29/05/2020 19:46